Conteúdo publicado há 4 meses
OpiniãoPolítica

Reinaldo: Se Moro votasse contra Dino, anunciaria para a patrulha nas redes

O colunista do UOL Reinaldo Azevedo afirmou durante o programa Olha Aqui! que o senador Sergio Moro (União Brasil-PR) votou a favor da nomeação de Flávio Dino para uma cadeira no STF (Superior Tribunal Federal).

Moro votou sim para Flávio Dino, e talvez seja uma das únicas coisas boas que tenha feito na vida. Votou sim por um mero exercício lógico. Se tivesse votado não, considerando a patrulha das redes, teria anunciado o não. Então ele votou sim. Reinaldo Azevedo

Uma foto tirada durante a votação no Senado ontem (13) mostrou uma conversa do senador no WhatsApp onde foi alertado por um aliado a não expor seu voto. Após o vazamento da imagem, Reinaldo reiterou que Moro acabou votando sim para Flávio Dino.

É evidente que se o Moro tivesse votado contra o Dino, considerando a patrulha que ele recebe da extrema-direita, e ele tenta e quer esse eleitorado de extrema-direita, mas ele é muito atrapalhado e muito desajeitado. Ele teria dito que votou contra Dino então ele votou à favor. Reinaldo Azevedo

O colunista do UOL ainda ponderou durante o programa que a conversa era sigilosa e não deveria ter vindo a público, mas disse que não poderia ignorar a notícia após a invasão de privacidade contra o senador. Ele ainda destacou que, por conta de seu eleitorado, Moro tinha que esconder o próprio voto.

Deve ser muito triste não ser dono de si mesmo e ter que ficar prestando satisfação para essa gente. Isso é um horror. Imagina se eu não pudesse falar o que eu penso com receio de A, B, C ou D. O sujeito é senador, alimenta o ódio da extrema-direita, vota sistematicamente contra o governo e aí, no caso do Dino, votou a favor mas tem que esconder isso. Reinaldo Azevedo

Por fim, Reinaldo também destacou que o senador corre o risco de perder seus eleitores diante da conversa vazada.

Ele tenta uma base e ter sua própria direita, mas ao vazar essa foto ele fica em uma situação difícil porque se queima junto ao seu eleitorado e aqueles que forem contrário ao seu voto podem abandoná-lo por isso. Reinaldo Azevedo

***

Continua após a publicidade

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Deixe seu comentário

Só para assinantes