OpiniãoPolítica

Reinaldo: Celebro operação da PF contra Bolsonaro; vitória da democracia

O colunista do UOL Reinaldo Azevedo afirmou durante o programa Olha Aqui! que a operação da PF (Polícia Federal) contra o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) deve ser celebrada por ter salvado a democracia

Estou celebrando não a operação da PF contra Bolsonaro e seus aliados, estou celebrando a vitória da democracia e o fato de o estado de direito ter se defendido, não pode condescender com isso. Reinaldo Azevedo

A PF deflagrou na manhã de hoje a Operação Tempus Veritatis, que mira suposta organização criminosa que tentou dar um golpe de Estado para manter Bolsonaro na Presidência. O ex-presidente foi um dos alvos da operação e os agentes foram à casa de Bolsonaro em Angra dos Reis (RJ) para recolher o passaporte.

Apesar de destacar a importância da operação, Reinaldo também lamentou o fato de o Brasil ter um ex-presidente nessa situação.

Não celebro o conjunto da obra e se me perguntar se acho ruim que um ex-presidente do Brasil esteja nessa circunstância, eu acho. Mas seria muito pior a gente estar vivendo em um sistema de impunidade e ter golpistas soltos por aí, seria pior considerar que isso é normal. Reinaldo Azevedo

Reinaldo também afirmou que não é aceitável normalizar um golpe de estado e que, diante das atuais circunstâncias, os envolvidos terão que responder por seus atos e escolhas.

Não é normal pregar golpe, tentar organizar golpe, juntar uma súcia para difamar o processo eleitoral e receber uma minuta golpista e pedir alterações. Então aplaudo que o golpe não deu certo. Se deram mal e vão ter que responder pelas escolhas que fizeram. Não foram obrigados a fazer aquilo e não são vítimas da circunstância. Reinaldo Azevedo

Por fim, o colunista do UOL elogiou a atuação do STF (Supremo Tribunal Federal) e destacou que os ministros da corte foram os responsáveis por salvar a democracia brasileira.

Estou contente com o estado de direito da democracia e o cumprimento das regras do jogo, porque se não fosse a atuação destemida e corajosa de alguns ministros do Supremo, nós estaríamos em uma encalacrada. (...) fomos salvos pelo STF e não sou isento entre a democracia e a ditadura, eu sou pela democracia e não tenho isenção nenhuma. Meu lado é a democracia e quem salvou a democracia do Brasil foi o Supremo, porque o Congresso não teve coragem de enfrentar o tirano. Reinaldo Azevedo

Continua após a publicidade

***

O Olha Aqui! vai ao ar às segundas, quartas e quintas, às 13h.

Onde assistir: Ao vivo na home UOL, UOL no YouTube e Facebook do UOL.

Veja abaixo o programa na íntegra:

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes