PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
1 mês

Voo com vacina é cancelado, e RJ manda avião fretado a SP

18.jan.2021 - Profissionais de saúde do Hospital das Clínicas de SP são vacinados com a CoronaVac - Marcelo Justo/UOL
18.jan.2021 - Profissionais de saúde do Hospital das Clínicas de SP são vacinados com a CoronaVac Imagem: Marcelo Justo/UOL

Gabriel Sabóia

Do UOL, no Rio

18/01/2021 13h38Atualizada em 18/01/2021 16h09

O voo que traria 487 mil doses da vacina CoronaVac ao Rio de Janeiro, na tarde de hoje (18), foi cancelado. Dez caixas com vacinas chegam às 16h em um voo fretado no aeroporto do Galeão, segundo o secretário estadual de Saúde, Carlos Alberto Chaves.

O volume faz parte das 487 mil doses que serão disponibilizadas para o Rio e devem ser usadas para as primeiras aplicações, em ato simbólico no Cristo Redentor na tarde de hoje. Os volumes restantes chegarão em voos da companhia Azul, entre a noite de hoje e a madrugada de amanhã.

A Azul informou, por meio de nota, que o primeiro voo da companhia aérea destinado ao Rio com o imunizante sai de Guarulhos e pousa no Galeão às 19h30, e o segundo chega no mesmo aeroporto amanhã (19), às 4h45.

Mais cedo, o cancelamento do voo fez com que o início hoje da vacinação, previsto para acontecer no Cristo Redentor, ficasse incerto.

Em comunicado feito através da assessoria de imprensa, o governo atribuiu o cancelamento a um "problema logístico". Assessores então procuraram viabilizar a chegada de um voo fretado à capital fluminense até as 17h (horário para o qual foi anunciado, anteriormente, o início da vacinação).

Errata: o texto foi atualizado
Mais cedo, um assessor do governo do Rio informou que o transporte da CoronaVac ao estado seria feito com um avião da FAB (Força Aérea Brasileira), o que foi negado pela FAB. A informação foi corrigida nesta reportagem e na Home Page do UOL.

Coronavírus