PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
15 dias

Em novo decreto, Itália passa a exigir passe sanitário de trabalhadores

Pessoas com máscara em Bolzano, na Itália - Getty Images
Pessoas com máscara em Bolzano, na Itália Imagem: Getty Images

21/09/2021 16h38

O presidente da Itália, Sergio Mattarella, assinou nesta terça-feira (21) o novo decreto que estende para trabalhadores dos setores público e privado a necessidade de apresentação de um certificado sanitário contra a Covid-19.

Com isso, o decreto "Medidas urgentes para garantir que as atividades de segurança do trabalho público e privado se estendam ao âmbito da certificação verde da Covid-19 e do reforço do sistema de rastreio", pode agora ser publicado no Diário Oficial.

O texto recebeu aval unânime do Conselho de Ministros no último dia 16 de setembro e prevê a apresentação obrigatória do certificado sanitário em todos os locais de trabalho públicos ou privados, incluindo prefeituras, sedes de governos regionais e assembleias legislativas.

O uso do passe verde nos locais de trabalho será obrigatório até pelo menos 31 de dezembro de 2021, quando termina o estado de emergência pela pandemia na Itália.

Internacional