Presos têm acesso restrito à água potável, diz Defensoria de SP

Esta é a versão online da newsletter Pra Começar o Dia enviada hoje (08). Quer receber antes o boletim e diretamente no seu email? Clique aqui. Os assinantes UOL ainda podem receber dez newsletters exclusivas toda semana.

********

Penas de prisão, de sede e de fome. Os presos e seus familiares que visitam a Penitenciária de Getulina, no interior de São Paulo, têm acesso restrito à água potável e dificuldade para manter os alimentos sem estragar, depois de horas na fila para as visitas. A informação faz parte de relatório da Defensoria Pública do estado, obtido com exclusividade pelo UOL. O presídio de Getulina tem superlotação de 47%, com 1.257 presos.

Mariana Borgheresi Duarte, coordenadora do Núcleo de Situação Carcerária da Defensoria, compara a gravidade da situação com tortura. A inspeção foi realizada em 12 de novembro, dia de calor recorde. "Além da pena de fome, é imposta a pena de sede. Quando tem água, não é potável, não existem bebedouros, eles têm que usar da torneira e não há recipiente para armazenar a água. A tortura se dá pela impossibilidade ao acesso". O governo paulista diz que não há racionamento de água na unidade. Leia aqui.

Dino tem 21 votos, ainda faltam 20. Pesquisa do UOL entre senadores mostra que o ministro Flávio Dino (Justiça) tem 21 votos garantidos à sua indicação para a vaga no STF (Supremo Tribunal Federal). Ele ainda corre atrás de pelo menos 20 votos entre os senadores que não se decidiram. A sabatina no Senado acontece na próxima quarta (13). Leia aqui.

Em ação de convencimento junto às bancadas do MDB e PSD, o governo Lula avalia que a aprovação do nome vai ser mais difícil do que esperado. Líderes partidários afirmam que Flavio Dino não poderá agir como "lacrador" na sabatina, e receiam o peso de sua ligação histórica com partidos de esquerda.

"É verdade esse mapa da Venezuela". Nicolás Maduro avança em discurso e ações sobre dois terços da área de um país vizinho e soberano, a Guiana, mas para o presidente venezuelano quem está fazendo provocações mesmo são os Estados Unidos, com exercícios militares na região.

"A Força de Defesa da Guiana está em alerta máximo e tem estado em contato com suas contrapartes militares, incluindo o Comando Sul dos Estados Unidos", disse o presidente da Guiana, Irfaan Ali, em resposta ao plano de invasão de Caracas. Maduro quer concessão de licenças pela empresa petrolífera venezuelana PDVSA para explorar petróleo, gás e minerais em Essequibo, no país dos outros. Reportagem da Deutschewelle ouviu especialistas sobre o risco de um conflito armado na América do Sul. Veja aqui.

Argentina recebe os convidados de Milei. O ex-presidente Jair Bolsonaro e o deputado federal Eduardo Bolsonaro desembarcaram em Buenos Aires na noite de quinta (7) para comparecerem a eventos da posse do novo presidente da Argentina, Javier Milei.

Continua após a publicidade

Inelegível e investigado por vários crimes, entre eles fraude em cartão de vacina e autoria intelectual de atentado contra o Estado de Direito, nos atos golpistas de 8 de janeiro, Bolsonaro deve ter tratamento de chefe de Estado na posse de Milei, informa a Folha de S.Paulo. O representante do governo brasileiro na cerimônia será o ministro Mauro Vieira, das Relações Exteriores.

Cai a aprovação a Lula, diz Ipec. Divulgadas na quinta (7), pesquisas do Ipec e do Datafolha trouxeram alguns números semelhantes sobre a avaliação do governo Lula. Segundo o Ipec, 38% dos entrevistados consideram a gestão ótima ou boa. No Datafolha, o petista mantém 38% de aprovação dos brasileiros, enquanto 30% consideram o governo regular e 30%, ruim ou péssimo. Veja na Folha de S.Paulo.

Segundo o Ipec, a aprovação caiu de 56% para 51% em três meses, período em que a reprovação subiu de 39% para 43%. Para 39% dos entrevistados, a economia está melhor agora do que seis meses atrás; para 30%, nada mudou, e para 36%, está pior.

MP denuncia deputado por crimes de milícia. Na Bahia, o deputado estadual Kléber Escolano, do partido Patriota e conhecido na política como Binho Galinha, foi alvo de busca e apreensão na quinta (7) em operação da Polícia Federal que investiga organização criminosa armada.

Segundo a PF, escreve Aguirre Talento, o grupo liderado pelo deputado age como uma milícia, explorando o jogo do bicho e praticando agiotagem. Também cobrava dívidas com ameaças de morte e vendia peças de veículos roubados. Outros acusados, entre eles policiais militares e o filho do deputado, foram alvo de prisão preventiva em Feira de Santana.

Wonka, aventura graciosa para a família. Timothée Chalamet esteve em São Paulo para divulgar Duna 2 na CCXP. O ator tinha apenas 22 anos quando foi indicado ao Oscar de melhor ator em 2018 por Me Chame pelo Seu Nome. Os fãs lembram daquele rosto desde adolescente, desde a série Homeland, em que o personagem e a família de políticos explodem num atentado terrorista na sede da CIA.

Continua após a publicidade

Em Wonka, elogia Roberto Sadovski, Chalamet prova a vocação como protagonista. "Existe em sua versão de Willy Wonka uma luz até então ausente em outros trabalhos, o que sugere um alcance dramático maior do que ele até então pôde mostrar". Willy Wonka, o mágico fazedor de chocolates, ganhou as telas antes com Gene Wilder (1971) e Johnny Deep (2005). Sadovski também escreve sobre o terror trash Feriado Sangrento.

Todos os amores de Bernstein, o Maestro. Dirigido e protagonizado por Bradley Cooper, Maestro chega agora aos cinemas e em breve na Netflix. Flavia Guerra escreve que o diretor mirou o grande público ao narrar a história real de um casal não convencional, mais do que a carreira de sucesso do músico Leonard Bernstein.

"Felicia foi seu grande amor e a relação com a atriz permeou toda a trajetória do músico revolucionário, que também ousou ao assumir sua bissexualidade em tempos em que o moralismo e o conservadorismo eram mais intensos". Carey Mulligan interpreta Felicia, mulher de Bernstein por 30 anos. Leia em Splash. No programa Plano Geral, Flavia Guerra e Thiago Stivaletti comentam os melhores filmes do ano, entre eles Monster e Folhas de Outono.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes