PUBLICIDADE
Topo

Blocos de rua

Fiuk estreia no comando de trio elétrico e canta Fábio Jr

Guilherme Machado

Do UOL, em São Paulo

23/02/2019 22h36

Dois dias antes do "Arena Festival", que ocorre hoje no pavilhão do Anhembi, em São Paulo, a produção fechou a participação de Fiuk na folia, o anunciando como uma atração surpresa. Pela primeira vez no comando de um trio elétrico, ele mostrou animação em estrear no Carnaval.

"Isso é uma novidade pra mim. Eu amo música no geral. Acho que o trio elétrico, o Carnaval, tem uma linguagem muito forte, acho que o Rock passou por aí lá atrás. Nunca tive a oportunidade de levar um trio, tinha feitos umas participações", disse ele ao UOL.

Para seu primeiro Carnaval, Fiuk buscou um repertório que leva desde versões de Skank, Roberto Carlos, até, claro, uma música de seu pai, Fábio Jr.

"Tenho o maior carinho por ele. Não sei [se combina com Carnaval]. Vou me precipitar se falar alguma coisa", brincou ele.

Já antes de colocar seu trio para andar, Fiuk já dançava e interagia com pessoas no trio, mostrando que queria curtir cada momento.

Embaixo, pouco antes do trio sair, foliões gritavam: "Fábio Jr.! Fábio Jr.!". E Fábio Jr. ele entregou, com uma versão carnavalescas de "20 e Poucos Anos". Foi a única, mas suficiente para animar os presentes. 

Nem tudo foi perfeito. Ele não conseguiu terminar a canção "Tempos Modernos", de Lulu Santos, e enfrentou alguns problemas no som quando colocou alguns colegas de trio para cantar funk. Mas a alegria do ator era nítida.

"Sou o cara mais feliz do mundo", dizia ele ao público, que embora visivelmente menor do que quando tocaram Léo Santana e Xand Avião mais cedo, ainda formavam uma vasta multidão.

O ator também não esconde poder um dia comandar um trio em Salvador.

"Eu tenho a maior vontade. Entrego pra Deus", torce ele.

Blocos de rua