Conteúdo publicado há 2 meses
Kennedy Alencar

Kennedy Alencar

Siga nas redes
Só para assinantesAssine UOL
Opinião

Dino se destacou no combate ao bolsonarismo, mas fez pouco na segurança

O colunista do UOL Kennedy Alencar avaliou durante o programa Análise da Notícia que, após Flávio Dino exercer o cargo de ministro da Justiça por um ano antes de assumir uma vaga no STF (Supremo Tribunal Federal), sua principal falha foi na área da segurança pública.

Flávio Dino se destacou no combate ao bolsonarismo, mas fez pouco na segurança pública. Kennedy Alencar

Kennedy destacou que, apesar de contar com o apoio de Ricardo Cappelli, número 2 no Ministério e atuante na área da segurança pública, Dino acabou repetindo fórmulas tradicionais e que não deram certo.

Essa visão repetiu fórmulas tradicionais, então acabou enxugando gelo. O Dino exibir dados da segurança pública na cerimônia de hoje é justamente uma resposta ao que parece uma fragilidade do governo Lula nas pesquisas. A questão da segurança pública é um tema que preocupa uma fatia importante da população e é um tema com o qual a esquerda tem dificuldade de lidar, então na saidera o Dino deu muito mais foco a essa questão da segurança pública. Kennedy Alencar

Apesar de não conseguir resolver os problemas da segurança pública, o colunista do UOL afirmou que Dino foi muito bem politicamente e no combate ao bolsonarismo durante seu um ano à frente do Ministério da Justiça.

Ele foi muito bem na política e no combate ao bolsonarismo. Temos que tirar o chapéu ao combate que ele deu aos golpistas de 8 de janeiro e também usou as redes sociais e entrevistas para fazer um embate correto com a extrema direita brasileira. Foi o político que mais soube se expressar nesse combate, então foi muito bem nesse combate ao bolsonarismo. Kennedy Alencar

Agora, com Ricardo Lewandowski assumindo o ministério, a maior preocupação do presidente Lula é conseguir lidar com questões de segurança pública e, apesar de o novo ministro não ser especialista na área, houve um pedido especial do presidente.

A questão da segurança pública está preocupando Lula e o Lewandowski vai ajudar na articulação com o STF, porque no Congresso a barra está pesada e, para o bem e para o mal, Congresso e Supremo viraram elementos que ajudam na governabilidade. A função do Lewandowski vai ser mais essa, e tem um pedido pessoal do Lula para priorizar a questão da segurança pública. Tem que quebrar essa visão tradicional sobre segurança, inclusive a política dos regimes de prisão e políticas de combate às drogas. A missão do Lewandowski está na área de segurança pública. Kennedy Alencar

***

Continua após a publicidade

O Análise da Notícia vai ao ar às terças e quartas, às 13h e às 14h30.

Onde assistir: Ao vivo na home UOL, UOL no YouTube e Facebook do UOL.

Veja abaixo o programa na íntegra:

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.