PUBLICIDADE
Topo

UOL Confere

Uma iniciativa do UOL para checagem e esclarecimento de fatos


UOL Confere

Vídeo da campanha de Russomanno usa informação falsa em ataque a Boulos

UOL Confere
Imagem: UOL Confere

Guilherme Botacini

Colaboração para o UOL, em São Paulo

30/10/2020 21h15

Em vídeo que circula pelo WhatsApp e postado pela campanha de Celso Russomanno (Republicanos) em seus perfis, com o selo de propaganda eleitoral, é feita uma associação falsa entre o adversário Guilherme Boulos (PSOL) e um prédio irregularmente ocupado que desabou no centro de São Paulo, em 2018.

O vídeo liga o candidato psolista ao edifício Wilton Paes de Almeida, no largo do Paissandu, que desabou na madrugada de 1º de maio daquele ano, após um incêndio. A tragédia deixou sete mortos e dois desaparecidos.

À época, o prédio era irregularmente ocupado por um movimento de moradia, sem relação com o MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto), que Boulos coordena.

Em 2019, coordenadores do Movimento de Luta Social por Moradia (MLSM) foram indiciados pelo incêndio no edifício. Eles respondem em liberdade.

A coligação de Boulos acionou a Justiça.

Após usar o material nos perfis das redes sociais, a campanha de Russomanno ainda avalia se a peça será televisionada. Perguntada sobre a informação errada relativa ao prédio ocupado, a equipe visualizou a mensagem, mas não respondeu.

A peça também acusa o candidato do PSOL de "uso de uma moça de supermercado para explorar um vídeo e atacar um adversário", fato também explorado por outros vídeos de Russomanno nas redes sociais. A referência é a um vídeo do programa de TV de Russomanno.

"O problema do Russomanno não é político, nem eleitoral: é de caráter. Ao espalhar fake news contra mim, ele deixa claro que não passa de uma marionete do bolsonarismo. É de se esperar essa falta de escrúpulos de quem humilha trabalhador e rouba gorjeta de garçom. Nós seguiremos trabalhando com a verdade para derrotar o atraso e o ódio em São Paulo e fazer da nossa cidade a capital da democracia", diz Boulos.

Nas redes sociais do candidato do Republicanos, já há vídeos com ataques direcionados especificamente ao candidato do PSOL, que devem fazer parte da propaganda eleitoral de Russomanno desta sexta-feira.

Pesquisa Ibope divulgada hoje colocou o atual prefeito de São Paulo, Bruno Covas, do PSDB, com 26% das intenções de voto. Russomanno tem 20%, Boulos, 13%, e Márcio França (PSB), 11%. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

O UOL Confere é uma iniciativa do UOL para combater e esclarecer as notícias falsas na internet. Se você desconfia de uma notícia ou mensagem que recebeu, envie para uolconfere@uol.com.br.

UOL Confere