PUBLICIDADE
Topo

UOL Confere

Uma iniciativa do UOL para checagem e esclarecimento de fatos


É falso que estatuto do PT prevê confisco de bens

28.jun.2022 - Post relaciona de forma errada matéria da CNN sobre "quarentena fiscal" a confisco de poupanças - Arte/UOL
28.jun.2022 - Post relaciona de forma errada matéria da CNN sobre "quarentena fiscal" a confisco de poupanças Imagem: Arte/UOL

Isabela Aleixo

Do UOL, em São Paulo

28/06/2022 18h09

Não é verdade que o estatuto do PT fale sobre confisco de bens de poupança, previdência privada, imóveis ou qualquer outro tipo de investimento. Publicações usam matéria da CNN Brasil do dia 1º de fevereiro deste ano sobre uma "quarentena fiscal" estudada pelo partido e associam, de forma errada, a confisco de bens.

Um post acompanhado de uma captura de tela da matéria da CNN afirma:

Quem tem dinheiro no banco, na poupança, na previdência, nos investimentos, nos imóveis, nas empresas, nos negócios e nas aplicações em geral é melhor ficar de olho! Isso tudo está no estatuto do PT. Lula vai tomar o seu dinheiro.

A matéria, no entanto, não fala sobre confisco de bens. Também não há menção sobre a possibilidade de qualquer tipo de confisco no estatuto do PT, que pode ser consultado no site do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e também no portal do próprio partido.

"Quarentena fiscal"

A "quarentena fiscal" proposta em documento assinado por José Genoíno e Rui Falcão é, na verdade, uma "suspensão temporária de regras fiscais". De acordo com a CNN, isso significa que, na prática, em um possível governo petista, a medida serviria para romper regras fiscais e "utilizar o orçamento livre de amarras".

O documento interno elenca uma série de propostas do partido para a economia, caso Lula vença a disputa presidencial deste ano.

Segundo o texto obtido pela emissora, o partido fala em "corrigir imediatamente o orçamento herdado do governo anterior", recuperar a capacidade de investimento do BNDES, do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, e das empresas estatais, além de "tomar as medidas necessárias para cobrar imposto emergencial sobre grandes fortunas, lucros e dividendos".

Entre as propostas também estão a retomada do Bolsa Família e do programa Mais Médicos, destaca a emissora.

Este conteúdo também já foi checado pelo Estado de S. Paulo, Yahoo e Boatos.org.

O UOL Confere é uma iniciativa do UOL para combater e esclarecer as notícias falsas na internet. Se você desconfia de uma notícia ou mensagem que recebeu, envie para uolconfere@uol.com.br.