PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Chuva no Rio: Árvores caídas impedem atendimento a seis feridos no Vidigal

Gabriel Saboia

Do UOL, no Rio de Janeiro

07/02/2019 11h01

O Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro trabalha nesta manhã de quinta-feira (7) no atendimento de seis pessoas feridas na comunidade do Vidigal, na zona sul da capital fluminense, em decorrência das chuvas da última noite. Entre as vítimas estão uma mulher grávida e uma criança. 

De acordo com o sub-chefe do Estado Maior dos Bombeiros, Luciano Sarmento, as ambulâncias não conseguem chegar à região atingida por causa das árvores que continuam caídas no interior da comunidade.

"Os profissionais já chegaram até essas pessoas e sabemos que duas delas não correm riscos. Quanto às outras, ainda não temos maiores informações. Mas, as ambulâncias ainda não conseguiram fazer esses resgates", disse Sarmento, que admitiu a possibilidade dessas pessoas estarem em uma área de risco. 

Os bombeiros seguem trabalhando na Avenida Niemeyer, que margeia o Vidigal, onde um ônibus foi soterrado por um deslizamento de terra. O prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB) confirmou uma morte desse deslizamento. As autoridades trabalham com a possibilidade de haver mais uma vítima no interior do veículo.

A encosta da Niemeyer não corre o risco de sofrer novos deslizamentos, informou a Defesa Civil. A Prefeitura do Rio de Janeiro confirmou cinco mortes na cidade: duas em Barra de Guaratiba, duas no Vidigal e uma na Rocinha.
 

Cotidiano