PUBLICIDADE
Topo

PM de folga tenta evitar roubo em SP, mas é morto com tiro na cabeça

Soldado Rodrigo Rosman Carvalho, morto em 31 de dezembro de 2019 - Reprodução
Soldado Rodrigo Rosman Carvalho, morto em 31 de dezembro de 2019 Imagem: Reprodução

Luís Adorno

Do UOL, em São Paulo

31/12/2019 18h49

Um soldado da PM (Polícia Militar) morreu, na tarde de hoje, depois de tentar evitar um roubo a um pedestre em São Mateus, zona leste de São Paulo.

De acordo com a PM, o soldado Rodrigo Rosman Carvalho, 35, lotado no 38º batalhão, de São Mateus, estava na corporação havia 9 anos. Ele deixou esposa e filhos. Não há informações sobre seu velório e enterro.

Ainda segundo a PM, por volta das 13h15, dois criminosos, em uma moto de cor azul, tentaram roubar uma pessoa na avenida Forte do Leme.

O soldado, mesmo em folga, interveio na tentativa de evitar o roubo. A PM informou que, nesse momento, houve troca de tiros. O policial foi atingido na cabeça.

Um helicóptero do Águia chegou a ser acionado para socorrer o policial, mas o policial não resistiu ao ferimento.

Um dos criminosos foi atingido na perna. Ele mesmo foi até o pronto-socorro do Hospital Nardini, de acordo com a corporação, e responderá pelo crime em flagrante.

O outro suspeito tentou fugir, mas foi localizado depois. Ambos os suspeitos foram reconhecidos pelas vítimas do roubo.

O caso foi registrado no 49º DP (Distrito Policial), em São Mateus.

Segurança pública