Conteúdo publicado há 6 meses

Criança que ateou fogo em apartamento foi proibida de usar celular por avós

A menina de 11 anos que ateou fogo no apartamento dos avós em Patos de Minas, no último sábado (14), trancou os avós dentro do imóvel e saiu para andar de patins, após ser proibida de usar o celular. As informações foram repassadas pela Polícia Militar de Minas Gerais.

O que aconteceu:

O avô disse em depoimento que estava no quarto deitado com a esposa quando a neta pediu para usar o celular. Entretanto, ele negou e a criança avisou que desceria para andar de patins no pátio.

Pouco tempo depois, o casal sentiu cheiro de fumaça. Ao tentar sair do quarto, eles não conseguiram porque a neta havia trancado a porta por fora. Ele chegou a arrombar a porta, mas, devido a intensidade das chamas, não conseguiu atravessar a sala.

Os dois arrancaram a tela de proteção da janela e precisaram saltar do quarto andar. A queda foi amortecida por colchões espalhados no chão por vizinhos.

No depoimento, o avô contou que a neta passa vários fins de semana na casa dele e destacou que a menina tem "mudanças de humor". Ele ressaltou não ter certeza se a proibição do uso do celular motivou a criança a atear fogo no local.

A menina confirmou à PM que colocou fogo no sofá, deixou os avós trancados e desceu para andar de patins. Por ser menor de 12 anos, ela não foi levada para a delegacia e está sob os cuidados da mãe. A polícia acionou o Conselho Tutelar de Patos de Minas para acompanhar o caso.

O incêndio

O incêndio começou após a criança de 11 anos atear fogo no sofá da sala, e as chamas tomarem conta do apartamento, segundo o tenente da Polícia Militar de Minas, Thiago Rocha.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para conter as chamas e uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) também foi solicitada para prestar socorro aos feridos que pularam pela janela.

Continua após a publicidade

A avó precisou ser hospitalizada após reclamar de dores nas pernas e no peito. O avô e a criança receberam atendimentos no local e passam bem.

Deixe seu comentário

Só para assinantes