PUBLICIDADE
Topo

Candidatos a prefeito de São Paulo 2020: conheça os principais nomes

Eleições 2020: primeiro turno ocorre em 15 de novembro e segundo turno marcado para 29 de novembro - Pedro Ladeira/Folhapress
Eleições 2020: primeiro turno ocorre em 15 de novembro e segundo turno marcado para 29 de novembro Imagem: Pedro Ladeira/Folhapress

Cleber Souza

Do UOL, em São Paulo

01/09/2020 18h34Atualizada em 03/10/2020 00h30

Desde 31 de agosto, as convenções dos partidos iniciaram a escolha dos candidatos à Prefeitura de São Paulo. Os nomes para as eleições 2020 foram definidos até 16 de setembro para serem registrados até 26 deste mês no TSE (Tribunal Superior Eleitoral). A campanha começou no dia seguinte.

Primeiro debate de candidatos

No dia 2 de outubro, 11 candidatos participaram do primeiro debate, promovido pela Band e transmitido na homepage do UOL. O embate foi marcado por ataques ao prefeito Bruno Covas (PSDB), ao deputado federal Celso Russomanno (Republicanos) e ao PT, do ex-prefeito Fernando Haddad, que há quase quatro anos não administra a cidade.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por outro lado, foi poupado dos ataques realizados pelos candidatos, à exceção daqueles de partidos mais à esquerda, como Guilherme Boulos (PSOL) e Orlando Silva (PCdoB).

Pesquisa

O candidato Celso Russomanno, do Republicanos, tem 26% das intenções de voto na disputa eleitoral pela Prefeitura de São Paulo, segundo aponta a pesquisa Ibope divulgada em 03/10. Ele é seguido pelo atual prefeito Bruno Covas (PSDB), que tem 21%, e por Guilherme Boulos (PSOL), com 8%.

Como a margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, Russomanno e Covas estão tecnicamente empatados, assim como Boulos e Márcio França (PSB), que aparece em quarto, com 7% das intenções de voto.

Brancos e nulos somaram 20% —um em cada cinco. Já 8% não responderam ou disseram não saber em quem votariam.

As eleições municipais ocorrerão em 15 de novembro, com segundo turno marcado para 29 de novembro. Os eleitores escolherão o novo prefeito, vice-prefeito e vereadores da cidade de São Paulo.

Saiba quem são os nomes que concorrem à Prefeitura de São Paulo neste ano:

Bruno Covas (PSDB)

Bruno Covas - Roberto Casimiro/Fotoarena/Estadão Conteúdo - Roberto Casimiro/Fotoarena/Estadão Conteúdo
O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB-SP), que vai concorrer à reeleição
Imagem: Roberto Casimiro/Fotoarena/Estadão Conteúdo

Atual prefeito da cidade de São Paulo, o tucano Bruno Covas (PSDB) também é advogado e economista. Foi deputado federal, entre 2015 e 2016, e estadual, de 2007 a 2014. Candidato à reeleição, ele tem dez partidos em sua coligação. Seu vice é o vereador Ricardo Nunes, do MDB.

Joice Hasselmann (PSL)

Joice Hasselmann - WAGNER PIRES/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - WAGNER PIRES/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP)
Imagem: WAGNER PIRES/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Oficializada pelo partido no dia 31 de agosto, Joice Hasselmann (PSL) é jornalista, escritora e deputada federal, tendo sido uma das mais votadas no estado em 2018, com mais de 1 milhão de eleitores. Escolheu como vice o empresário Ivan Leão Sayeg, herdeiro da Casa Leão Joalheria.

Andrea Matarazzo (PSD)

Andrea Matarazzo - Bruno Santos/Folhapress - Bruno Santos/Folhapress
Andrea Matarazzo, pré-candidato à prefeitura de São Paulo pelo PSD
Imagem: Bruno Santos/Folhapress

Empresário, radialista e político brasileiro, Andrea Matarazzo foi escolhido para a disputa em São Paulo pelo PSD. De 1999 a 2001, foi ministro-chefe da Secretaria de Comunicação no governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e secretário de Subprefeituras de São Paulo, entre 2006 e 2008, na gestão de Gilberto Kassab (PSD).

Orlando Silva (PCdoB)

Orlando Silva - Najara Araújo/Câmara dos Deputados - Najara Araújo/Câmara dos Deputados
Orlando Silva, pré-candidato à prefeitura de São Paulo pelo PCdoB
Imagem: Najara Araújo/Câmara dos Deputados

Orlando Silva (PCdoB) exerceu o cargo secretário Nacional de Esporte Educacional no governo Lula (PT), foi secretário-executivo do Ministério do Esporte e, em 2006, foi empossado como ministro da pasta. Atualmente é deputado federal por São Paulo. A enfermeira Andrea Barcelos (PCdoB) é a candidata a vice na chapa.

Márcio França (PSB)

Márcio França - Karime Xavier/Folhapress - Karime Xavier/Folhapress
Márcio França, pré-candidato à prefeitura de São Paulo pelo PSB
Imagem: Karime Xavier/Folhapress

Candidato pelo PSB, Márcio França é ex-governador de São Paulo de 2018 até 2019. Assumiu o cargo após Geraldo Alckmin (PSDB) renunciar para concorrer à Presidência. Nas últimas eleições ao governo, obteve mais de 10 milhões de votos paulistas, mas perdeu a disputa para João Doria (PSDB). Também foi prefeito de São Vicente, no litoral de São Paulo, por duas vezes, em 1996 e em 2000. Seu vice é Antonio Neto, presidente municipal do PDT. Além do PDT, está coligado com Avante, Solidariedade e PMN.

Guilherme Boulos (PSOL)

Guilherme Boulos - Danilo Verpa/Folhapress - Danilo Verpa/Folhapress
Guilherme Boulos, pré-candidato à prefeitura de São Paulo pelo PSOL
Imagem: Danilo Verpa/Folhapress

Guilherme Boulos (PSOL) é coordenador do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) e da Frente Povo sem Medo. Foi candidato à Presidência da República pelo PSOL em 2018, mas não passou ao segundo turno. Sua vice na chapa é a deputada Luiza Erundina, também do PSOL. Tem apoio do PCB e da UP.

Jilmar Tatto (PT)

Jilmar Tatto - Divulgação - Divulgação
Jilmar Tatto, pré-candidato à prefeitura de São Paulo pelo PT
Imagem: Divulgação

Escolhido pelo PT, Jilmar Tatto foi deputado federal de 2007 a 2015 e secretário de Transportes e de Abastecimento de São Paulo nas gestões de Fernando Haddad e Marta Suplicy. Seu vice é o deputado federal Carlos Zarattini, também do PT.

Celso Russomanno (Republicanos)

Celso Russomano - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
Celso Russomanno, pré-candidato à prefeitura de São Paulo pelo Republicanos
Imagem: Reprodução/Facebook

Especializado em defesa do consumidor —fez carreira na TV com um quadro sobre o assunto—, Celso Russomanno é jornalista e bacharel em direito pela Faculdade de Direito de Guarulhos (SP). Seu partido se aliou ao PTB, que ganhou a posição de vice na chapa com o ex-presidente da OAB-SP Marcos da Costa.

Marina Helou (Rede)

Marina Helou  - Arquivo Pessoal  - Arquivo Pessoal
Rede lança deputada Marina Helou pré-candidata a prefeita de São Paulo
Imagem: Arquivo Pessoal

Formada em Administração Pública pela FGV (Fundação Getulio Vargas), Helou está em seu primeiro mandato como deputada estadual. Em 2018, a parlamentar conquistou o apoio de cerca de 40 mil eleitores no estado de São Paulo. A Rede fará chapa pura, tendo como vice o jornalista e empreendedor social Marco Dipreto.

Filipe Sabará (Novo)

Filipe Sabará - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
Filipe Sabará, pré-candidato à prefeitura de São Paulo pelo Novo
Imagem: Reprodução/Facebook

Lançado pelo Novo, Filipe Sabará é empreendedor, ex-presidente do Fundo Social do Estado de São Paulo e ex-secretário municipal de Assistência e Desenvolvimento de São Paulo. Sua vice é a economista Marina Helena, também do Novo.

Arthur do Val (Patriota)

Arthur do Val  - Carine Wallauer/UOL - Carine Wallauer/UOL
Arthur do Val, pré-candidato à prefeitura de São Paulo pelo Patriota
Imagem: Carine Wallauer/UOL

Escolhido pelo Patriota, Arthur do Val é empresário, youtuber, conhecido pelo pseudônimo de "Mamãe Falei", e um dos líderes do movimento MBL. Em 2018, foi o segundo deputado estadual mais votado de São Paulo. Sua vice é Adelaide Oliveira, ex-porta-voz do movimento Vem pra Rua.

José Levy Fidelix (PRTB)

Levy Fidelix - Reprodução Instagram - Reprodução Instagram
Levy Fidelix, pré-candidato à prefeitura de São Paulo pelo PRTB
Imagem: Reprodução Instagram

José Levy Fidelix da Cruz é político, empresário, jornalista e publicitário brasileiro, fundador do Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB). Ficou conhecido pela autoria do projeto do aerotrem, trem-bala entre Campinas, São Paulo e Rio. Foi pré-candidato à Presidência em 2018, mas desistiu em prol da chapa Jair Bolsonaro-Hamilton Mourão. Seu vice é o advogado Jairo Glickson.

Antônio Carlos Silva (PCO)

Antônio Carlos Silva - Divulgação - Divulgação
Antônio Carlos Silva, pré-candidato à Prefeitura de São Paulo pelo PCO
Imagem: Divulgação

Membro da executiva nacional do Partido da Causa Operária, Antonio Carlos Silva também é um dos seus fundadores, além de ser responsável pela Corrente Sindical Causa Operária. Fez parte do movimento que defendia a liberdade do ex-presidente Lula (PT). Seu vice é Henrique Áreas (PCO).

Vera Lúcia (PSTU)

Vera Lúcia - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
Vera Lúcia, pré-candidata à prefeitura de São Paulo pelo PSTU
Imagem: Reprodução/Facebook

Escolhida pelo PSTU, Vera Lúcia Salgado foi candidata à Presidência em 2018. Fundadora do PSTU, também é a presidente do partido em Sergipe. Seu vice é o professor de história Lucas Shimabukulo (PSTU).