O que se sabe sobre o atentado após o show de Ariana Grande em Manchester

Do UOL, em São Paulo

Um atentado deixou ao menos 22 mortos e mais de 50 feridos por volta das 22h30 (horário local, 18h30 de Brasília) desta segunda-feira (22), quando uma bomba explodiu ao fim do show da cantora Ariana Grande em Manchester, na Inglaterra.

O que se sabe até o momento:

– A explosão deixou 22 mortos --ainda não está claro se o terrorista suicida está sendo contado entre as vítimas. Ao menos 59 feridos foram levados ao hospital, entre eles 12 abaixo de 16 anos - o público da cantora é majoritariamente formado por jovens.

– Algumas vítimas já foram identificadas. Entre os mortos estão as estudantes Georgina Callander, de 18 anos, e Saffie Roussos, de 8 anos, e John Atkinson, 26. Segundo o Itamaraty, não há registro de brasileiros entre as vítimas.

– O ataque está sendo tratado como terrorismo pela polícia. O grupo "Estado Islâmico" reivindicou a autoria, afirmando que o executor é um de seus militantes.

– Segundo a polícia, o ataque foi executado por apenas uma pessoa, que morreu ao detonar os explosivos. O autor seria Salman Abedi, de 22 anos.

– Um jovem de 23 anos foi detido em Chorlton, no sul de Manchester, por conexão com o crime. Mais tarde a polícia comunicou mais duas prisões em subúrbios, uma em Whalley Range e a outra em Fallowfield, onde uma explosão controlada foi executada. A polícia ainda tenta identificar se o autor agiu sozinho ou fazia parte de uma rede.

– A explosão aconteceu por volta das 22h30 (horário local, 18h30 de Brasília) na saída do concerto, no foyer da Manchester Arena, casa de espetáculos que pode abrigar quase 30 mil pessoas e é considerada uma das mais modernas do planeta. Cerca de 21 mil pessoas assistiram ao show de Ariana Grande.

– Foi o pior atentado no Reino Unido desde os ataques a bomba no transporte público de Londres, em 7 de julho de 2005. Na ocasião, os atentados cometidos por quatro terroristas suicidas ligados à Al-Qaeda deixaram 52 vítimas.

(Com Deutsche Welle)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos