PUBLICIDADE
Topo

Guerra da Rússia-Ucrânia

Notícias do conflito entre Rússia e Ucrânia


Conteúdo publicado há
3 meses

Comboio russo próximo a Kiev tem mais de 60 km, revelam imagens de satélite

Do UOL, em São Paulo

28/02/2022 15h45Atualizada em 28/02/2022 23h37

Novas imagens de satélite mostram que soldados da Rússia continuam se aproximando de Kiev, capital da Ucrânia. Segundo a Maxar Technologies, em declaração à rede televisiva CNN, o comboio se espalha por mais de 60 km e está a menos de 30 km da maior cidade ucraniana.

Ainda segundo a CNN, a Casa Branca, sede do governo dos EUA, monitora esse comboio militar russo. Oficiais disseram à rede de TV que não estão preocupados apenas com o tamanho da tropa, mas também com a escalada da violência na Ucrânia. O quinto dia da invasão da Rússia foi marcado por uma rodada de negociações sem acordo e por bombardeios na capital Kiev e em Kharkiv, desde a madrugada.

O jornal New York Times foi outro veículo a noticiar o movimento dos russos rumo a Kiev. "A linha de veículos é tão extensa que não foi totalmente capturada nas imagens de satélite. Em algumas áreas, os veículos aparecem em duas ou três fileiras", informou.

Ontem, outras imagens da Maxar Technologies mostravam um comboio se estendendo por mais de cinco quilômetros em uma estrada. Hoje, as forças russas vão da base aérea Antonov até o norte da cidade de Pribyrsk.

Kiev foi alvo de ataques após o fim da reunião entre as delegações da Rússia e da Ucrânia — em que não houve acordo. O governo ucraniano chegou a emitir um alerta para que a população se dirija a abrigos da Defesa Civil por causa de iminente ataque aéreo russo à capital ucraniana.

Segundo CNN Internacional, várias explosões de grande porte foram ouvidas na direção leste do centro de Kiev, por voltas 18h40 de hoje (horário local, 13h40 no horário de Brasília).

A Prefeitura de Mykolaiv, no sul da Ucrânia, escreveu no Facebook, pedindo aos civis que saíssem e "resistissem". Segundo a publicação, uma quantidade "significativa" de blindados russos está sendo direcionada para eles.

  • Veja as últimas informações sobre a guerra na Ucrânia e mais no UOL News com Diego Sarza:

Nova rodada

As delegações ucraniana e russa terão uma nova rodada de negociações nos próximos dias. A reunião de hoje em Belarus, durou cerca de cinco horas.

O assessor do presidente da Ucrânia, Mikhaylo Podolyak, disse para jornalistas que os representantes de ambos os países retornam hoje para suas capitais e vão realizar consultas para uma próxima rodada.

Segundo o site Sky News, o assessor ucraniano disse que as negociações hoje foram difíceis. "Infelizmente, o lado russo ainda tem uma visão muito tendenciosa dos processos destrutivos que lançou", disse Podolyak.