Conteúdo publicado há 1 mês

EUA dizem que 'discordam' de fala de Lula sobre Gaza e Holocausto

O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Matthew Miller, disse, nesta terça-feira (20), que o governo "discorda" da fala do presidente Lula (PT) sobre Israel. O petista comparou os ataques israelenses em Gaza ao Holocausto.

O que aconteceu

Miller disse que "obviamente" o governo discorda da declaração. "Fomos bastante claros que não acreditamos que um genocídio ocorreu em Gaza. Queremos ver o conflito encerrado quando for possível. Queremos ver aumento de ajuda humanitária para civis em Gaza. Mas não concordamos com esses comentários".

O posicionamento dos EUA aparece no dia em que o chefe da diplomacia americana, Antony Blinken, chega ao Brasil.

Blinken chegará a Brasília no final do dia para o início de uma viagem que também o levará à Argentina. Na capital federal, ele se reunirá na quarta-feira com Lula e a expectativa é que a conversa seja intensa.

O secretário de Estado também participará de uma reunião de ministros das Relações Exteriores do G20, entre quarta e quinta-feira, no Rio de Janeiro. Também deve estar presente seu par russo, Sergei Lavrov.

Esta será a primeira visita de Blinken como secretário de Estado ao país. As relações entre os Estados Unidos e o Brasil melhoraram desde o retorno de Lula ao poder em 2023, que sucedeu Jair Bolsonaro, próximo do republicano Donald Trump.

*com informações da AFP

Deixe seu comentário

Só para assinantes