Topo

Satélite da Nasa registra 'antes e depois' da represa Jaguari

Com diferença de quase um ano, imagens mostram alteração no nível da represa Jaguari - Jesse Allen/Earth Observatory/NASA
Com diferença de quase um ano, imagens mostram alteração no nível da represa Jaguari Imagem: Jesse Allen/Earth Observatory/NASA

Do UOL. em São Paulo

23/10/2014 21h54

A Nasa divulgou duas imagens feitas pelo satélite Landsat 8, em cor natural, da represa Jaguari, em Bragança Paulista, no interior de São Paulo. A primeira foi feita em 16 de agosto de 2013, antes da estiagem que reduziu o nível da barragem, integrante do Sistema Cantareira, principal responsável pelo abastecimento da cidade de São Paulo. A segunda foi registrada em 3 de agosto deste ano. Observando os dois registros, é clara a alteração nos níveis de água, ficando evidente, na segunda, a faixa de areia nas bordas da represa.

Segundo texto divulgado pela agência norte-americana, mesmo em 2013, Jaguari já aparentava uma “maré baixa”. Na foto tirada em 2014, a água está mais clara, porque, de acordo com a agência, está mais rasa, o que alterou a sua coloração. 

De acordo com boletim divulgado nesta quinta-feira (23) pela Sabesp, o nível de água nas represas que compõe o sistema atingiu o nível de 3%. Ainda segundo o órgão, desde o começo do mês de outubro choveu cerca de 19% do volume médio esperado para os 31 dias – de acordo com a Sabesp, o volume médio de chuva para este mês é de 130,8 mm.

Mais Meio Ambiente