PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
5 meses

Governador do Ceará, Camilo Santana anuncia que está com covid-19

Camilo é o 15º governador a contrair a covid-19; primeira-dama Onélia Santana também está doente - Reprodução/Facebook
Camilo é o 15º governador a contrair a covid-19; primeira-dama Onélia Santana também está doente Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

07/10/2020 16h10Atualizada em 07/10/2020 19h00

Um dia depois do diagnóstico positivo da primeira-dama Onélia Santana, o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), anunciou hoje que também foi infectado pelo coronavírus. Ele disse estar bem, apenas com alguns sintomas de gripe, e informou que seguirá trabalhando remotamente.

"Agradeço a todos pelas mensagens de carinho e vibrações positivas enviadas a Onélia, que se recupera bem, e espero em breve estarmos recuperados para retomar a agenda normal de trabalho. Forte abraço e fiquem com Deus!", escreveu o governador em uma rede social.

O anúncio do teste positivo de Onélia foi feito ontem pela própria primeira-dama nas redes sociais. Ela também disse estar bem e manifestando apenas alguns sintomas de gripe. "Estou em casa, isolada, seguindo as recomendações médicas, e espero logo estar recuperada", publicou.

Camilo é 15º governador a contrair a covid-19. Antes dele, também ficaram doentes:

  • Wilson Witzel (PSC), do Rio de Janeiro (14/04);
  • Helder Barbalho (MDB), do Pará (14/04);
  • Renan Filho (MDB), de Alagoas (25/04);
  • Antonio Denarium (sem partido), de Roraima (18/05);
  • Paulo Câmara (PSB), de Pernambuco (18/05);
  • Renato Casagrande (PSB), do Espírito Santo (25/05);
  • Mauro Mendes (DEM), do Mato Grosso (04/06);
  • Carlos Moisés (PSL), de Santa Catarina (01/07);
  • Belivaldo Chagas (PSD), de Sergipe (15/07);
  • Eduardo Leite (PSDB), do Rio Grande do Sul (24/07);
  • João Doria (PSDB), de São Paulo (12/08);
  • Wilson Lima (PSC), do Amazonas (13/08);
  • Ibaneis Rocha (DEM), do Distrito Federal (08/09);
  • Reinaldo Azambuja (PSDB), do Mato Grosso do Sul (17/09).

O governador do Piauí, Wellington Dias (PT), é um caso à parte. Um exame sorológico feito por ele em agosto deu negativo para IgM e positivo para IgG, o que significa que Dias teve contato com o coronavírus e adquiriu anticorpos. O governador, porém, relatou não ter apresentado nenhum sintoma.

Política