PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
1 mês

Falsa granada é deixada no portão do consulado da Rússia em SP

Falsa granada foi deixada na porta do consulado da Rússia em São Paulo - Reprodução/TV Globo
Falsa granada foi deixada na porta do consulado da Rússia em São Paulo Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

23/05/2022 08h22

Agentes de segurança foram acionados na noite de ontem para desarmar uma falsa granada deixada em frente ao portão do Consulado Geral da Rússia, no Jardim Everest, na zona sul de São Paulo. Houve mobilização no local.

Policiais do esquadrão antibombas do Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais) utilizaram até mesmo roupas especiais —como jaquetas fortificadas— e um robô. O trânsito também foi interditado na região pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego).

Foram mais de três horas de trabalhos até a confirmação de que o suposto artefato era falso, segundo informações da TV Globo. Ninguém foi preso. O local foi liberado no começo da madrugada.

Um segurança do consulado teria visto uma pessoa suspeita deixar um pacote em frente ao portão por volta das 23 h. Ele visualizou a cena através da câmara de segurança e chamou a polícia. As imagens devem ser analisadas agora para a identificação do suspeito.

Ao UOL, a SSP (Secretaria de Segurança Pública de São Paulo) informou que o caso foi encaminhado à Polícia Civil para as devidas providências.

"Uma equipe do Esquadrão Anti-Bombas do Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais) da Polícia Militar foi acionada, na noite de domingo (22), para atender uma ocorrência de um suposto artefato explosivo encontrado na Av. Lineu de Paula Machado, na zona sul de São Paulo. O material foi apreendido e foi verificado que não se tratava de produto explosivo. O caso foi encaminhado à Polícia Civil para as devidas providências de polícia judiciária."

O UOL também entrou em contato com o consulado russo e aguarda posicionamento. Se o fizer, o texto será atualizado.

Política