PUBLICIDADE
Topo

Chico Alves

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Após almoçar com Pazuello, Romário é criticado por seguidores no Instagram

Eduardo Pazuello e Romário - Instagram de Romário
Eduardo Pazuello e Romário Imagem: Instagram de Romário
Chico Alves

Chico Alves é jornalista, por duas vezes ganhou o Prêmio Embratel de Jornalismo e foi menção honrosa no Prêmio Vladimir Herzog. Foi editor-assistente na revista ISTOÉ e editor-chefe do jornal O DIA. É co-autor do livro 'Paraíso Armado', sobre a crise na Segurança Pública no Rio, em parceria com Aziz Filho.

Colunista do UOL

17/05/2022 08h09

Em campanha pela reeleição ao Senado, Romário (PL-RJ) almoçou ontem com o ex-ministro da Saúde e general da reserva Eduardo Pazuello, que vai se candidatar a deputado federal pelo Rio. O ex-jogador postou a foto do encontro no Instagram, o que motivou uma série de críticas. Dos 2.232 comentários postados até o início da manhã, quase todos condenavam Romário por se aliar a Pazuello.

"Foi um papo muito produtivo, pois falamos sobre o nosso estado e, principalmente, sobre saúde", escreveu o senador.

Os seguidores não gostaram e deixaram registrada a insatisfação. "Simplesmente o pior ministro da saúde da história, bola fora", comentou um. "O maior artilheiro que vi jogar, fazendo gol contra", reclamou outro.

Muitos usaram de ironia para criticar o ex-ministro e lembrar o fracasso da logística que ele implantou na pasta da Saúde. "Ainda bem que você nunca dependeu do Pazuello organizar um esquema tático quando você era jogador", escreveu renatovterra. "Se pedir pra ele te passar o sal, capaz dele (sic) responder que demora duas semanas pra chegar", brincou vitorstardelli.

Houve quem perguntasse sobre o acompanhamento do almoço: "Beberam cloroquina?".

Alguns internautas disseram que deixariam de seguir o perfil de Romário e que não votariam mais nele.

"Poucos sabem, mas já são muitos anos de amizade!", comentou o senador, no perfil de Pazuello.

O encontro com o ex-ministro segue a lógica de tentar agradar o eleitorado bolsonarista, que nas últimas semanas tem manifestado preferência pela candidatura do deputado Daniel Silveira (PTB-RJ) ao Senado. Faz parte dessa estratégia a possibilidade de convidar Rogéria Bolsonaro, ex-mulher do presidente, para figurar como suplente de Romário.