PUBLICIDADE
Topo

Trump oferece à China "qualquer ajuda necessária" para combater coronavírus

29.set.2019 - O presidente americano Donald Trump - Kevin Lamarque/Reuters
29.set.2019 - O presidente americano Donald Trump Imagem: Kevin Lamarque/Reuters

Do UOL, em São Paulo

27/01/2020 13h30

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou hoje que ofereceu à China "qualquer ajuda necessária" para conter a epidemia de coronavírus que já infectou mais de 2.700 pessoas e deixou 81 mortos.

"Estamos em uma comunicação muito estreita com a China sobre o vírus", tuitou Trump.

"Poucos casos foram relatados nos Estados Unidos, mas estamos muito atentos. Oferecemos à China e ao presidente Xi (Jinping) toda a ajuda necessária. Nossos especialistas são extraordinários!", afirmou.

O aumento no número de casos fez com que a China prolongasse por três dias as férias do Ano Novo para adiar o grande fluxo nos transportes e reduzir o risco de propagação. Grandes empresas fecharam as portas ou disseram a funcionários para trabalhar de casa.

Em 24 horas, os casos suspeitos duplicaram e alcançam quase 6 mil. O presidente chinês afirmou no sábado que a epidemia estava acelerando e que a situação era "grave".

As ações asiáticas caíram, com o índice Nikkei, do Japão, recuando 2%, sua maior queda em um dia em cinco meses, à medida que os investidores ficaram cada vez mais preocupados.

* Com AFP e Reuters

Coronavírus liga alerta pelo mundo

Internacional