PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

TVs portuguesas destacam desencontros de Bolsonaro com presidente do país

Ontem, sem máscara, Bolsonaro recebeu o presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa  - Marcos Corrêa/PR
Ontem, sem máscara, Bolsonaro recebeu o presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa Imagem: Marcos Corrêa/PR

Do UOL, em São Paulo

03/08/2021 16h22Atualizada em 03/08/2021 16h43

TVs de Portugal destacaram o fato de o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não ter comparecido no último domingo ao evento de reinauguração do Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo, que contou com a presença do presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa.

Em reportagem, a TVI destacou que, enquanto o português participava do evento, Bolsonaro estava, ao lado de apoiadores, em uma motociata em Presidente Prudente (SP). Na ocasião, o presidente brasileiro voltou a atacar o transcorrer democrático das eleições de 2022.

Bolsonaro estava "em uma cidade que, por ironia da língua portuguesa, se chama Presidente Prudente", dizia a reportagem exibida na emissora, que destacou o fato de o presidente brasileiro ter ficado sem máscara durante o ato.

O Museu da Língua Portuguesa, fechado após um incêndio destruí-lo, foi reinaugurado no último sábado (31). Além de Rebelo, o ministro da Cultura da Angola, Jomo Fortunato, e o presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, também estiveram presentes no evento.

O presidente brasileiro só se encontrou ontem com Marcelo Rebelo, dois dias depois da reinauguração do museu que celebra a língua portuguesa. Na ocasião, Bolsonaro e o chefe de Estado português almoçaram juntos.

A SIC abriu a reportagem sobre a cerimônia para o recebimento de Rebelo em Brasília dizendo que o encontro ocorreu "horas depois de Bolsonaro não ter aparecido — e nem ter feito falta — na roda (evento) de reinauguração do Museu da Língua Portuguesa".

Na sequência, a reportagem da emissora lusitana destacou que, mesmo com uma média móvel de mais de 900 mortos pela covid-19 no Brasil, Bolsonaro não usou máscara ao se encontrar com Rebelo.

Em seguida, o canal mostrou Rebelo falando que foi feito aquilo "que era expectável (esperado) da parte portuguesa". "Não temos que formular juízo sobre os anfitriões", disse.

"O presidente nos recebeu no Palácio da Alvorada, que é sua casa. E, portanto, não formulamos juízo sobre a postura daqueles que nos receberam", afirmou o presidente português.

O governo Bolsonaro teve início em 1º de janeiro de 2019, com a posse do presidente Jair Bolsonaro (então no PSL) e de seu vice-presidente, o general Hamilton Mourão (PRTB). Ao longo de seu mandato, Bolsonaro saiu do PSL e ficou sem partido. Os ministérios contam com alta participação de militares. Bolsonaro coloca seu alinhamento político à direita e entre os conservadores nos costumes.