PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
1 mês

Randolfe Rodrigues recebe a maior honraria do governo da França

Brigitte Collet, embaixadora da França no Brasil, entrega medalha ao senador Randolfe Rodrigues - Reprodução/Twitter @franceaubresil
Brigitte Collet, embaixadora da França no Brasil, entrega medalha ao senador Randolfe Rodrigues Imagem: Reprodução/Twitter @franceaubresil

Do UOL, em São Paulo

06/12/2021 22h43

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) recebeu hoje a maior honraria francesa, a Légion d'Honneur (Legião da Honra). A medalha foi um reconhecimento pela atuação em assuntos como meio ambiente, educação, questões da fronteira entre o Amapá e a Guiana Francesa, e o combate à pandemia de covid-19.

Randolfe dedicou a medalha "a todas às famílias" vítimas da crise sanitária. Mas também lembrou dos moradores da fronteira, e fez uma defesa à sustentabilidade.

A cerimônia aconteceu na Embaixada da França em Brasília ao invés de Paris, onde geralmente ocorreria, por causa da pandemia. A embaixadora Brigitte Collet também destacou a atuação de Randolfe, que foi vice-presidente da CPI da Covid, como oposição no Congresso.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG) também esteve na cerimônia.

A condecoração já havia sido anunciada há alguns meses. Em julho, ao receber a notícia de que seria agraciado, Randolfe se emocionou e afirmou que "o mundo está vendo o esforço contra as 'boiadas' no meio ambiente e a luta contra o coronavírus."

Essa é mais uma ação do governo francês que contraria o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e acontece poucos dias após a recepção do presidente da França Emmanuel Macron ao ex-presidente Lula (PT), que teve protocolo reservado a chefes de Estado. O presidente brasileiro classificou o gesto como uma "provocação".

A Legião da Honra é entregue desde o início dos anos 1800. No Brasil, também já receberam a honraria o imperador Dom Pedro II, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o escritor Paulo Coelho, entre outras personalidades.

Política