PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
1 mês

Queiroz elogia chacina na Vila Cruzeiro, exalta Bolsonaro e zomba do PT

Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro é também pré-candidato a deputado federal. - Reprodução/SBT
Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro é também pré-candidato a deputado federal. Imagem: Reprodução/SBT

Do UOL, em São Paulo

25/05/2022 16h56Atualizada em 25/05/2022 16h56

O ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, Fabricio Queiroz, usou as redes sociais para exaltar a chacina após operação policial da Vila Cruzeiro, que terminou com 25 mortos contabilizadas até o fechamento desta reportagem.

Foi a segunda chacina mais letal da história do Rio de Janeiro, atrás apenas da ocorrida em Jacarezinho, que no ano passado matou 27 pessoas. Queiroz aproveitou a postagem para ironizar o PT.

Segundo ele, títulos eleitorais do Partido dos Trabalhadores haviam sido cancelados, numa alusão de que bandidos apoiassem o partido. Vale lembrar que as mortes da operação ainda não foram completamente esclarecidas e que ao menos uma morte inocente já foi registrada.

Postagem de Queiroz no Instagram  - Reprodução - Reprodução
Postagem de Queiroz no Instagram
Imagem: Reprodução

Ele também exaltou seu amigo, o presidente Jair Bolsonaro, ao zombar dizendo que uma pesquisa realizada pelo "DATA- BOPE" (em alusão ao Batalhão de Operações Policiais Especiais) teria dado 100% Bolsonaro.

O ex-policial militar Fabrício Queiroz é inclusive pré-candidato a deputado federal pelo PTB. Apesar das acusações de que ele teria operado um esquema de rachadinhas no gabinete do filho do presidente, Flávio Bolsonarp, Queiroz já chegou a ser tietado em manifestações governistas. A proximidade do policial reformado com a família Bolsonaro também já levantou suspeitas, em especial no episódio em que Queiroz teria depositado cheques à primeira-dama, Michelle Bolsonaro.

Política