Conteúdo publicado há 1 mês

Tales: Expectativa é Moro ser condenado no Paraná e no TSE

O senador Sergio Moro (União Brasil-PR) deve ser condenado tanto no Paraná quanto no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em ação que pode cassar seu mandato, disse o colunista Tales Faria no UOL News da manhã desta quinta-feira (22).

A expectativa é que o Moro seja condenado lá [Paraná] e cá [TSE], porque tem uma questão que a Justiça Eleitoral deve garantir a equidade na disputa. E o que ocorreu com Moro? Moro, que foi candidato à presidência, fez uma pré-campanha milionária e majestosa por causa dessa pré-candidatura usando a grana de outro partido, que era o que ele estava.

Depois, ele saiu [do partido], resolveu ser candidato a senador e ele já tinha uma mídia muito maior, um trabalho de pré-campanha muito maior que os adversários. Por causa disso, se dá como certo que ele vai ser condenado tanto em uma instância como outra.

O que aconteceu

A ação contra a chapa de Moro foi ajuizada pelo PL e pela Federação Brasil da Esperança (PT, PCdoB e PV). O agora senador foi acusado de ter cometido abuso de poder econômico por utilizar recursos na campanha de 2022 sem declarar à Justiça Eleitoral.

Foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (22) a nomeação de José Rodrigo Sade para a cadeira vaga no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Paraná. Com o colegiado completo, o presidente da corte, Sigurd Bengtsson, definirá a data do julgamento que pode culminar na cassação do mandato de senador do ex-juiz.

Qualquer que seja o resultado, é possível recorrer ao TSE, que dará a palavra final. Se a decisão final for pela cassação, será realizada nova eleição para preencher a cadeira de Moro no Senado. Isso porque a ação pede a cassação da chapa eleita. Ou seja, a decisão atingiria também os dois suplentes do senador.

O UOL News vai ao ar de segunda a sexta-feira em duas edições: às 10h com apresentação de Fabíola Cidral e às 17h com Diego Sarza. O programa é sempre ao vivo.

Quando: De segunda a sexta, às 10h e 17h.

Continua após a publicidade

Onde assistir: Ao vivo na home UOL, UOL no YouTube e Facebook do UOL.

Veja a íntegra do programa:

Deixe seu comentário

Só para assinantes