Hamas pede aos palestinos que combatam ocupação se diálogo fracassar

No Cairo (Egito)

Gaza, 18 ago (EFE).- O movimento islamita Hamas pediu para a população palestina lutar contra a ocupação israelense "em todos os lugares" caso fracasse a negociação para um cessar-fogo que está sendo realizada no Cairo, informou hoje a agência de notícias "Al Ray".

Segundo a publicação, que apoia o movimento islamita, "o Hamas pediu aos residentes em Gaza e Cisjordânia que peguem as armas e lutem contra a ocupação em todo lugar se as conversas sobre o fim das hostilidades fracassarem".

Palestinos e israelenses negociam desde domingo no Cairo a extensão do cessar-fogo estipulado há cinco dias e que termina nesta meia-noite.

A ofensiva militar israelense começou em 8 de julho e já deixou 2.016 palestinos mortos, sendo 75% civis. Além disso, 10.196 pessoas ficaram feridas, algumas em estado grave. Entre os mortos, 541 são crianças, 250 mulheres e 95 idosos.

Durante as cinco semanas de hostilidades morreram 64 soldados israelenses em combates com milicianos palestinos e um civil israelense, um beduíno e um trabalhador asiático atingidos por algum dos mais de três mil foguetes lançados pelas milícias de Gaza.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos