Ossos encontrados em desabamento não são de criança, mas de homem adulto, diz IML

Janaina Garcia

Do UOL, em São Paulo

Os fragmentos ósseos encontrados na manhã dessa terça-feira (8) nos escombros do edifício Wilton Paes de Almeida pertencem não a uma criança, mas a um homem adulto.

Em nota, a Secretaria  de Segurança Pública do Estado informou, nesta quarta-feira (9), que os ossos "têm características compatíveis com as de um adulto do sexo masculino".

"Preliminarmente, o IML [Instituto Médico Legal] identificou que os ossos têm características compatíveis com as de um adulto do sexo masculino. Os remanescentes foram encaminhados para o Núcleo de Antropologia, que irá realizar o exame de identificação humana", diz a nota da SSP.

Ontem, tanto o Corpo de Bombeiros quanto o secretário Mágino Alves haviam cogitado a possibilidade de os fragmentos ósseos pertencerem a um adulto ou também a uma criança.

Os fragmentos foram encontrados ontem de manhã próximos a um anel largo e dourado e também a brinquedos, o que levou as equipes de busca à hipótese de que poderiam ser de adultos e também de crianças. Entre os sete desaparecidos na tragédia, estão a catadora de papelão Selma Almeida, 41, e dois filhos gêmeos dela, de 10 anos.

Hoje, as equipes chegaram ao primeiro subsolo da edificação. Não há previsão de término dos trabalhos, no entanto, já que as buscas têm sido feitas de forma seletiva e manual. Segundo porta-voz da corporação, capitão Marcos Palumbo, já foram retiradas em torno de 2000 toneladas de entulhos da área.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos