PUBLICIDADE
Topo

Em reunião, Lupi, Ciro e Neto defenderão apoio a Boulos no 2º turno

Reprodução/Twitter
Imagem: Reprodução/Twitter

Eduardo Lucizano

Do UOL, em São Paulo

16/11/2020 22h41

A direção do PDT defenderá o apoio a Guilherme Boulos (PSOL) em reunião que acontecerá amanhã (17) com Márcio França (PSB). No encontro, os partidos vão tomar uma decisão sobre quem terá o apoio no segundo turno da disputa pela prefeitura de São Paulo.

Carlos Lupi, presidente do PDT, Ciro Gomes e Antonio Neto, vice na chapa de França, defendem o apoio ao candidato do PSOL contra o atual prefeito Bruno Covas (PSDB).

"Temos uma reunião amanhã e a nossa inclinação é para apoiar o Boulos. Em nenhuma hipótese a gente apoiaria o Doria", disse Ciro Gomes ao UOL.

A chapa de Márcio França e Antonio Neto terminou em terceiro lugar com 13,64% dos votos válidos. Lupi disse que a decisão do apoio passará por Márcio França: "Estamos defendendo apoio ao Boulos, nossa posição é essa e vamos defender. Amanhã teremos reunião com França para decidir", afirmou Lupi ao UOL.

Nas redes sociais, França não declarou seu apoio e desejou sorte aos candidatos: "Boa sorte aí para o [Guilherme] Boulos, para o Bruno [Covas], saúde para os dois, discernimento, paciência e vamos para o segundo turno porque a democracia é assim. Acaba uma eleição e começa outra", disse.

O UOL tentou contato com a assessoria de Márcio França para saber a posição dele e do partido, mas não obteve retorno. Se houver uma resposta, ela será incluída no texto.

Orlando Silva anuncia apoio do PCdoB a Boulos

Candidato derrotado na eleição para a Prefeitura de São Paulo, Orlando Silva (PCdoB) anunciou apoio de seu partido a Guilherme Boulos. Ele também declarou que o avanço dos dois candidatos ao segundo turno representa a derrota de Jair Bolsonaro (sem partido) na capital paulistana.

"O PCdoB decidiu apoiar a candidatura de Guilherme Boulos e Luiza Erundina à prefeitura. Foi importante derrotar Bolsonaro no 1º turno! Agora é construir um projeto popular que priorize emprego e renda e faça de São Paulo uma cidade livre do racismo. Vamos juntos!", escreveu ele no Twitter.

Jilmar Tatto e PT declaram apoio a Boulos

Com a declaração da noite de hoje, o PCdoB torna-se o segundo partido a apoiar, publicamente, a candidatura do PSOL à prefeitura. Ainda ontem o candidato Jilmar Tatto (PT) afirmou que apoiaria Boulos na corrida eleitoral. Hoje, o PT publicou uma nota em apoio a Boulos.

"Acabei de ligar para Guilherme Boulos, a quem tenho como um irmão mais novo. Desejei sorte e disse que ele pode contar comigo e com a nossa valente militância para virar o jogo em São Paulo", disse Tatto no Twitter. No momento em que ele escreveu a mensagem, 99,67% das urnas haviam sido apuradas.

"A executiva municipal do PT São Paulo definiu em reunião realizada na noite desta segunda (16) apoiar a candidatura de Guilherme Boulos no segundo turno da Eleição na Capital. A reunião ocorreu na sede municipal do partido. De acordo com Laércio Ribeiro, presidente do DMPT-SP é necessário derrotar o projeto neoliberal representado por Bruno Covas, João Doria e Bolsonaro, motivo pelo qual o PT paulistano entende a importância de eleger Guilherme Boulos prefeito" diz a nota do PT.