PUBLICIDADE
Topo

Mexicanos exigem repressão contra norte-americanos que cruzam a fronteira

Mexicanos exigem medidas do governo contra norte-americanos que cruzarem fronteira pelo coronavírus  - Mauricio Lima/The New York Times
Mexicanos exigem medidas do governo contra norte-americanos que cruzarem fronteira pelo coronavírus Imagem: Mauricio Lima/The New York Times

Do UOL, em São Paulo

27/03/2020 15h07

Manifestantes do México fecharam uma passagem na fronteira sul com os Estados Unidos, em meio ao temor que viajantes norte-americanos não testados espalhem o coronavírus pelo país.

Mexicanos residentes na cidade de Sonora, sul do estado do Arizona, nos EUA, prometeram bloquear o tráfego no México pelo segundo após fechar um posto de fronteira na quarta-feira. Eles usavam máscaras e mostravam cartazes pedindo para os norte-americanos ficarem em casa.

O bloqueio foi liderado pelo grupo "Sonorans pela saúde e vida", que pediam a realização de exames médicos em qualquer pessoa que cruzasse a fronteira vindo dos EUA. Segundo eles, a passagem deveria estar fechada para todos, menos para casos de essenciais e de emergência. Também afirmaram que houve pouca fiscalização e nenhum teste realizado pelas autoridades.

"Não há exames de saúde do governo federal para lidar com essa pandemia. É por isso que estamos aqui em Nogales. Tomamos essa ação para pedir ao presidente mexicano Andrés Manuel López Obrador para agir agora", disse José Luís Hernandez, membro do grupo.

O presidente do México foi criticado por não defender a quarentena e tratar o coronavírus de maneira simplória. O país tem menos de 500 casos de covid-19 confirmados, enquanto os EUA passam de 65 mil.

O grupo prometeu bloquear novamente o posto de controle de fronteira se não forem tomadas medidas protetivas. Pedem a proibição de travessia a todos os cidadãos, por motivos médicos ou de turismo, incluindo aqueles que cruzam diariamente para trabalhar ou estudar. Também solicitam que o México realize testes em cidadãos deportados pelos EUA.

O presidente Donald Trump colocou os problemas de fronteira como uma peça central de seu governo. Ele culpa os latinos que atravessam a fronteira sul por trazer problemas sociais e econômicos aos Estados Unidos. Também anunciou na semana passada que proibiria o cruzamento entre os dois países pelo coronavírus.

Coronavírus liga alerta pelo mundo

Coronavírus