Topo

Câmara cria comissão para acompanhar queimadas na Amazônia

Foco de incêndio na Floresta Amazônia em São Félix do Xingu, no Pará, registrado pelo Greenpeace - Daniel Beltrá/Greenpeace
Foco de incêndio na Floresta Amazônia em São Félix do Xingu, no Pará, registrado pelo Greenpeace Imagem: Daniel Beltrá/Greenpeace

Carolina Marins

Do UOL, em São Paulo

22/08/2019 12h25

A Câmara dos Deputados irá criar uma comissão externa para acompanhar a questão das queimadas na região da Amazônia, anunciou hoje o presidente da Casa, Rodrigo Maia. Ele destacou a importância de preservar o meio ambiente para mantes fortes as exportações e o agronegócio brasileiro.

"A Câmara vai criar uma comissão externa para acompanhar o problema das queimadas que atingem a Amazônia. Vamos realizar também uma comissão geral nos próximos dias para avaliar a situação e propor soluções ao governo", escreveu Maia no Twitter.

"É importante para mantermos forte nossas exportações do agronegócio e preservar o nosso meio ambiente", ele complementou em resposta.

O anúncio ocorre na semana em que o Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) revelou que o Brasil registra um aumento de 70% no número de focos de incêndio este ano, sendo mais da metade na região amazônica. Este é o maior índice desde 2013.

Segundo especialistas e entidades ambientais, o aumento das queimadas está ligado ao crescimento do desmatamento. O presidente Jair Bolsonaro, no entanto, disse que ONGs (Organizações Não Governamentais) seriam as maiores suspeitas.

Mais Meio Ambiente