Conteúdo publicado há 3 meses

Marina: Lula vai propor na COP que países financiem floresta preservada

O presidente Lula (PT) anunciará na COP-28 um mecanismo para recompensar financeiramente os países por preservarem as florestas, afirmou a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, ao UOL Entrevista.

O que ela disse

Iniciativa é desenvolvida em conjunto com outros países florestais. "É uma arquitetura que possibilitará que tenhamos recursos robustos para os países que têm floresta receberem essa compensação, para manter essas florestas preservadas", afirmou. República Democrática do Congo e Indonésia fazem parte do grupo.

Marina disse que ainda não pode revelar como a compensação vai funcionar. A ministra espera que já esteja em funcionamento na COP-30, que acontece em Belém do Pará em 2025.

"Alguns governadores falam: 'Ministra, o meu estado todo, só 12% pode ser usado, o resto tudo é floresta, terra indígena'. E eu brincava com eles: 'Vocês ainda vão agradecer porque têm florestas"

Financiamento estaria disponível para entes públicos e privados. Ou seja, prefeituras, governos e proprietários de terras com floresta, segundo Marina. "A ideia é compensar aqueles que valorizarem a floresta, compensar financeiramente", disse.

A COP-28 começa na próxima quinta-feira (30), em Dubai, nos Emirados Árabes.

'Lula orienta a trabalhar com todos os governadores'

Continua após a publicidade

A ministra também comentou os estragos na cidade de São Paulo após um temporal nas últimas semanas. "Não é todo o município de São Paulo que é considerado um município vulnerável, mas dentro de São Paulo tem vários pontos de vulnerabilidade", disse.

Ela disse que tem bom diálogo com o governador do estado, Tarcísio de Freitas (Republicanos). "O diálogo é sempre muito respeitoso e corteixo com o governador", declarou. "Graças a Deus, eu sei separar as coisas e a orientação do presidente Lula para todos os ministros é de que temos que trabalhar com todos."

"É preciso ser republicano", declarou. "O diálogo é sempre muito republicano e cortês com o governador".

Assista à íntegra do programa:

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes