PUBLICIDADE
Topo

Tragédia em Brumadinho

Deputados mineiros querem CPI para apurar rompimento em Brumadinho

Guilherme Mazieiro

Do UOL, em Brasília

28/01/2019 21h16

Deputados mineiros anunciaram nesta segunda-feira (28) que articulam a criação de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG).

O deputado federal Fábio Ramalho (MDB-MG) disse que quer também montar uma Comissão Externa para estudar novas propostas sobre o tema. A tragédia em Brumadinho tem 65 mortos e mais de 200 desaparecidos contabilizados

Mapa Brumadinho - Arte UOL - Arte UOL
Imagem: Arte UOL
A declaração do mineiro, candidato à Presidência da Câmara, acontece a quatro dias da eleição pelo comando da Casa. Ele terá sete adversários na disputa - entre eles, Rodrigo Maia (DEM-RJ), considerado favorito.

Ramalho rebateu questionamentos sobre a falta de atuação do Parlamento após a tragédia de Mariana, em 2015.

Naquele ano, a Câmara criou uma Comissão Externa que analisou a tragédia. Do relatório final, saíram três projetos propostos -- nenhum deles votado em Plenário, estão todos parados desde 2016.

?A gente se empenhou sim. O grande problema é que a pauta dessa Casa não é feita pela bancada mineira. Ela é feita pelo Presidente. E pauta que estivemos aqui durante três anos foi somente a de economia?, disse.

Além de Ramalho, a bancada mineira tem os deputados Newton Cardoso Jr. (MDB) e Leonardo Monteiro (PT), que defendem uma Comissão Externa -- para acompanhamento e estudo sobre a situação. Já o deputado eleito Rogério Correia (PT) busca a instalação de uma CPI, que tem como objetivo investigar os fatos.

Durante o pronunciamento, Fábio Ramalho, declarou que é momento de unir esforços pela população mineira afetada pelo rompimento da barragem. Para criar uma CPI, é necessário pelo menos um terço dos 513 deputados da Casa. O deputado disse que a busca por assinaturas começará após o início da nova legislatura, em 1º de fevereiro.

Veja o caminho percorrido pela lama da barragem de Brumadinho

UOL Notícias

Tragédia em Brumadinho