Topo

Porco abandona "família" e corre para mamar em vaca de sítio no interior de São Paulo

Porquinho Chupão mama direto em tetas da vaca Caneta em sítio de São Carlos (SP) - José Bonato/UOL
Porquinho Chupão mama direto em tetas da vaca Caneta em sítio de São Carlos (SP) Imagem: José Bonato/UOL

José Bonato

Do UOL, em São Carlos (SP)

13/01/2012 11h20

Um porquinho criado num sítio de São Carlos (232 km de São Paulo) descobriu uma maneira de levar vantagem sobre seus 11 irmãos na disputa diária por leite e surpreendeu o proprietário, José Magalhães Fernandes, 71.

Chupão, como o animal foi batizado, se alimenta, além do leite da mãe, de um reforço extra que “rouba” diretamente das tetas de uma vaca da propriedade. Fernandes disse que vinha notando a queda na produção de leite da vaca Caneta, mas sem imaginar qual era a causa.

“Até que um dia vi que o porquinho, quando estava preso, ficava bastante agitado com a vaca por perto. Aí liguei as coisas”, disse o sitiante.

Não foi diferente nesta quinta-feira (12), durante visita da reportagem do UOL ao sítio. Chupão, ao ser liberado com os irmãos de um cercado para pastar e fuçar na lama, disparou em direção à vaca. Caneta permanece calma enquanto o porco se alimenta. “Em todos esses anos, nunca nada parecido”, afirmou Fernandes.

Mas a façanha do porquinho que mama na vaca não mudou em nada o senso comercial do dono do sítio. O bicho só não virou um assado no último Natal porque a procura por leitões foi baixa. O sitiante vende a carne de porco a R$ 12 o quilo.

Fernandes complementa a aposentadoria com a carne e o leite produzidos em sua propriedade. Ele afirmou que só uma vez ficou chateado ao se desfazer de um de seus animais. Era uma vaca idosa, que precisou vender no Paraná antes de se mudar para São Carlos, há cinco anos. “Doeu muito ter que vendê-la para o abate.”

Mais Tabloide