Topo

Casa de chocolate de 10,5 toneladas em MG entra no Guinness como maior do mundo

Divulgação
Casa de chocolate feita em Uberaba (MG) é considerada a maior do mundo pelo Guiness Imagem: Divulgação

Carlos Eduardo Cherem

Colaboração para o UOL, em Belo Horizonte

01/04/2018 11h03

Uma casa de chocolate de 15 metros quadrados e 2,40 metros de altura, divididos em dois cômodos: um escritório, ocupado por uma escultura de Chico Xavier (1910-2002) e uma cozinha, com um modelo da apresentadora da rede Globo, Ana Maria Braga, foi certificada pelo Guinness World Records neste domingo (1º), em Uberaba (MG), como a maior escultura de chocolate do mundo.

A estrutura pesa 10.488 quilos, superando o recorde anterior de uma casa com 10.187 quilos do produto, feita na China há três anos.

A escultura da Casa do Chocolate na Expocolate 2018 foi construída por 25 confeiteiros de Uberaba. A certificação foi feita pela representante do organismo Raquel Assis, responsável pela verificação do feito.

Divulgação
Escultura de Chico Xavier está dentro da casa de chocolate de Uberaba (MG) Imagem: Divulgação

Nas instalações internas, os modelos em chocolate de Chico Xavier e Ana Maria Braga, acompanhada do personagem Louro José, pesam em torno de 200 quilos cada um, com cerca de 1,60 m de altura.

A casa, os modelos e as peças que compõem o ambiente interno serão envernizados e mantidos em refrigeração adequada no Museu do Chocolate, instalado no interior da loja Casa do Chocolate no Praça Uberaba Shopping, explicou o chef chocolatier Alexandre Bispo, coordenador do projeto. “As crianças vão poder, inclusive, circular pela casa”, afirmou.

Divulgação
Ana Maria Braga também foi homenageada pelos confeiteiros de MG Imagem: Divulgação

Na Páscoa do ano passado, confeiteiros de Uberaba haviam conseguido o registro do maior coelho de chocolate do mundo, com quatro toneladas, que também foi certificado pelo Guinness Records Book de 2017.

“É uma emoção muito grande. Não é fácil, dependemos do trabalho em equipe e utilizamos um produto (chocolate) frágil”, disse Bispo.

180 horas de trabalho

Na criação das esculturas de Chico Xavier e da apresentadora foram utilizadas estrutura em barro, de tamanho real. A partir dessas estruturas, foram confeccionadas formas de resina de cada parte do corpo, de forma separada. Os confeiteiros demoraram 180 horas para concluir o trabalho, que ficou pronto por volta de 6h deste domingo de Páscoa (1°).

De acordo com os organizadores, um público superior a 120 mil pessoas visitou a Expocolate 2018.