Coelhinho que nasceu sem orelhas morre com pisada de cinegrafista na Alemanha

Do UOL, em São Paulo

  • Uwe Meinhold/dapd/AP

    O coelho Til, em foto na mão de um dos funcionários do zoológico

    O coelho Til, em foto na mão de um dos funcionários do zoológico

O coelhinho Til, que nasceu sem orelhas no zoológico de Limbach-Oberfrohna, no leste da Alemanha, morreu com a pisada de um cinegrafista de uma emissora de TV que o filmava em seu cercado.

Ele tinha 17 dias de vida e já tinha se tornado celebridade em seu país. Um zoológico local tinha planejado para esta quinta-feira (15) uma coletiva de imprensa para apresentá-lo ao mundo.

De acordo com o The Guardian, o cinegrafista disse que não tinha visto Til, que havia se enterrado no feno, quando ele deu o lamentável passo para trás.

O diretor do zoológico, Uwe Dempewolf, disse que o coelhinho não sofreu e lamenta o acidente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos