Falta crime em Cingapura! Homem que espetava palitos em assento no ônibus mobiliza polícia

Do UOL, em São Paulo

  • Getty Images/iStockphoto

Um homem de 60 anos está sendo duramente investigado, em Cingapura, acusado de ter espetado palitos de dente no assento de um ônibus público. Por conta do ato, encarado como "travessura" pelas autoridades, o acusado pode ser condenado a até dois anos de prisão, segundo a polícia. 

"Através de inquéritos extensivos e com a ajuda de imagens de câmeras de segurança, estabelecemos a identidade do suspeito", afirmou a polícia, em um comunicado.

Fotos de três palitos de dentes que foram espetados no assento de um ônibus foram postadas no Facebook. Segundo o usuário que publicou as imagens, uma pessoa estava prestes a se sentar nos palitos.

"Lembre-se de verificar seu assento na próxima vez antes de se sentar, pessoal", dizia o post que foi compartilhado mais de 2.500 vezes.

Cingapura tem uma das taxas de criminalidade mais baixas do mundo. No entanto, um dos slogans de informação pública do governo é: "O baixo número de crimes não significa crime nenhum".

Crimes considerados menores, como o vandalismo, são passíveis de penas duras, como apanhar em público com uma vara. 

Há dois anos, um fumante foi multado em US$ 14.550 por jogar as pontas de cigarro fora da janela de seu apartamento.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos