Mulher diz que foi expulsa de voo por causa de seu decote

Do UOL, em São Paulo

  • Reproudução

    Passageira diz que estava vestida desta forma quando foi retirada do voo

    Passageira diz que estava vestida desta forma quando foi retirada do voo

Uma mulher alega ter sido expulsa de um voo da Spirit Airlines, que ia de Nova Orleans para Fort Lauderdale, nos Estados Unidos, por causa de seu decote. Segundo informações de dois passageiros que relataram o caso no Facebook, uma comissária de bordo afirmou que os seios da jovem estavam "muitos expostos".

O caso ocorreu no último domingo (29). Uma outra passageira, que não conhecia a mulher abordada por conta do decote, também foi expulsa ao defendê-la.

Donna Prieto, mãe da jovem que foi impedida de embarcar por conta da roupa, contou ao canal de TV "Local 10 News" que a filha foi humilhada. A mulher, que não teve o primeiro nome divulgado, teve de usar um casaco para esconder o decote e começou a chorar muito durante o voo. Mesmo assim, foi expulsa.

 

A companhia aérea Spirit Airlines afirma que a mulher do decote foi expulsa do voo por conta de seu comportamento e não por causa da roupa que vestia. Segundo o porta-voz da empresa, Paul Berry, a jovem estava sob efeito de álcool ou de algum entorpecente e, por isso, não pode embarcar.

A mulher acabou sendo realocada em outro voo da companhia e chegou ao destino com pelo menos 24 horas de atraso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos