Homem é condenado a 4 anos de prisão por contratar strippers e mandá-las para a casa do vizinho

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/ DOUGLAS COUNTY SHERIFF'S OFFICE

    Douglas Goldsberry, 45, foi condenado a quatro anos de prisão por mandar prostitutas fazendo strip-tease na casa do vizinho

    Douglas Goldsberry, 45, foi condenado a quatro anos de prisão por mandar prostitutas fazendo strip-tease na casa do vizinho

Um americano, morador do estado do Nebraska, foi condenado a quatro anos de prisão por mandar prostitutas fazerem strip-tease na varanda da casa do vizinho, enquanto ele observava tudo de sua residência.

Douglas Goldsberry, 45, vai passar ao menos dois anos atrás das grades, sem contar os 177 dias já servidos na prisão.

Desde 2013, cerca de 30 vezes ao ano, Goldsberry mandava mulheres tirarem a roupa na varanda da casa do vizinho, durante a madrugada ou de manhã cedo. As prostitutas costumavam tocar a campainha exigindo dinheiro.

Enquanto as mulheres faziam strip-tease, Goldsberry se masturbava, olhando a cena de sua casa do outro lado da rua.

O casal que morava na casa disse que o toque da campainha despertava as crianças e toda a experiência causava estresse matrimonial e afetou suas vidas pessoais.

Goldsberry também está sendo acusado de possuir pornografia infantil no HD de seu computador e pode ser condenado a 20 anos de prisão por pedofilia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos