PUBLICIDADE
Topo

Tabloide

Lingerie para homens pode ser a nova tendência: e aí, topa?

Empresa australiana lança conjunto de lingerie um tanto atrevido exclusivamente para homens - Divulgação
Empresa australiana lança conjunto de lingerie um tanto atrevido exclusivamente para homens Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

25/04/2013 06h00

Que a maioria dos homens adora apreciar uma sexy lingerie em uma linda mulher todo mundo está careca de saber --o Editor do UOL Tabloide ainda mais. Mas já imaginou se eles substituíssem a tradicional samba-canção ou a cueca estilo boxer para adotar calcinhas com babados, sutiãs de renda ou mesmo corpetes? Pensa na cena!

Pode parecer maluquice, mas não é. Essa é a proposta de uma empresa australiana, que lançou no International Fashion Show, realizado em Las Vegas (EUA), um conjunto de lingerie, um tanto atrevido, exclusivamente para o público masculino.

  • E na hora do rola e rola, para apimentar a relação, para ele, um conjuntinho de bolinhas...

Há opções de calcinhas mais tradicionais (para os tímidos), com estampas de animais (onça ou cobra, uau!), cores neutras (brancas e pretas, para os básicos) ou com rendas (para uma noite caliente). A coleção também inclui estilo fio dental e modelos rendados que protegem apenas a parte da frente. Os homens podem ainda optar por corpetes e sutiãs variados.

Segundo a Homme Mystere, os modelitos são para os homens. "Não estamos preocupados se você é gay, hetero, vegetariano, republicano, anglicano, marciano ou qualquer outra coisa. Acabamos de projetar e fabricar atraentes lingeries de luxo para todos os homens", afirmou a empresa em seu site oficial. As peças custam de US$ 12 (cerca de R$ 24) a US$ 54 (cerca de 108), com a possibilidade de entregas em todo o mundo a um custo adicional de mais US$ 5 (R$ 10).

E você, tabloidonauta, sempre antenado nas tendências (#sóquenão), curtiu essa nova moda? Para o Editor UOL Tabloide a novidade parece ser um tanto "broxante", já imaginou você com a mesma lingerie da sua mulher na hora do rola e rola, mas há gosto para tudo e inovar pode ser o segredo pra não cair na tão fadada rotina. Pense nisso, aqui não temos preconceito. Topa?

Tabloide