Paciente rouba ambulância e faz "passeio" de 150 km pela Toscana

Do UOL, em São Paulo

  • Alessandro Bianchi/Reuters

Um paciente que sofre de problemas psiquiátricos roubou uma ambulância que, justamente, havia sido chamada para transportá-lo, na Itália. O sujeito de 34 anos deu um passeio de 150 km, pela região da Toscana, antes de ser parado pela polícia.

Segundo informações da polícia, familiares do paciente chamaram a ambulância quando o sujeito começou a ficar agitado e a dizer que queria ir à Roma para denunciar uma rede de tráfico de drogas. Quando o motorista chegou ao prédio onde o rapaz mora, em Empoli, o paciente roubou o veículo.

O incidente ocorreu por volta das 4h da manhã da última segunda-feira (3). O sujeito rodou, no total, cerca de 150 km até ser parado por policiais na rodovia A1, perto da cidade de Siena. A polícia só conseguiu encontrar a ambulância utilizando o GPS do veículo e fazendo bloqueios em estradas da região.

O paciente já era conhecido dos policiais por ter roubado um ônibus, no passado, e ter batido o veículo contra o muro de uma igreja, segundo informações do jornal "Il Tirreno". O rapaz foi detido por roubo, mas está sob custódia do serviço de saúde da Toscana.
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos