Sujeito processa companhia aérea por ter de viajar ao lado de homem gordo

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

Um advogado processou a companhia aérea Emirates por ter viajado ao lado de um homem obeso. O italiano Giorgio Destro afirmou que a viagem da Cidade do Cabo, na África do Sul, para Dubai, nos Emirados Árabes, foi terrível por causa de seu "colega" ao lado.

Destro é membro de um programa de vantagens da companhia, mas não conseguiu mudar o assento porque o voo estava lotado. Ele alega que não recebeu oferta de compensação ou mesmo um pedido de desculpas.

"Por nove horas, tive de ficar no corredor, sentar nos assentos dos comissários de voo ou, no final do voo, ficar no meu lugar sofrendo com o sujeito esparramado ao meu lado", afirmou ao jornal italiano "Mattino Padova".

Por isso, Destro exige cerca de R$ 20 mil em compensações. Ele deve ser ouvido pela Justiça no próximo dia 20 de outubro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos