PUBLICIDADE
Topo

Tabloide

Mãe acha que filha usou drogas, era mentira, e aí faz bolo bizarro para pedir desculpas

Errr... será que pelo menos o bolo estava gostoso?  - Reprodução/Twitter/@whxsper
Errr... será que pelo menos o bolo estava gostoso? Imagem: Reprodução/Twitter/@whxsper

Do UOL, em São Paulo

28/09/2016 11h33

Qual é a melhor maneira de se desculpar com a filha adolescente depois de acusá-la de usar drogas? Para uma mãe norte americana, é fazer um bolo bizarro dizendo "desculpa, pensamos que você usava meth [metanfetamina], cocaína, maconha e heroína."

Rachel Gelmis, uma adolescente que vive no Estado do Alabama (EUA), passou pela primeira vez na vida por um teste de drogas há quatro anos [o Facebook a lembrou e ela repostou a história em seu Twitter essa semana e o caso viralizou] algo comum por lá. Quando a escola recebeu o resultado, ligou para a casa da garota com uma notícia estranha.

De acordo com o exame, Rachel teria consumido metanfetamina, cocaína, heroína e um monte de outras substâncias. Pelo jeito, estar viva seria um milagre. A menina nunca demonstrou nenhum tipo de comportamento suspeito e sempre foi ótima aluna. Mesmo assim, sua mãe deu-lhe uma bronca daquelas.

Pouco tempo depois, a escola voltou a ligar e contou que houve uma confusão. Rachel estava completamente limpa. Se bobear, nenhum traço de refrigerante e fritura havia sido detectado nos exames, de tão natureba que a menina é.

Envergonhada, a mãe acabou fazendo o tal bolo como pedido de desculpas. Se eu fosse a Rachel, pediria minha parte em dinheiro, e não em um doce estranho. (Com MSN)

Tabloide