Casa ocupa área em dois países e precisa de dono de dupla nacionalidade

Do UOL, em São Paulo

  • CBS

    Reportagem da TV CBS mostra a fronteira entre os EUA e o Canadá passando pela casa de Brian DeMoulin

    Reportagem da TV CBS mostra a fronteira entre os EUA e o Canadá passando pela casa de Brian DeMoulin

Brian DeMoulin atravessa a fronteira entre EUA e Canadá várias vezes por dia. Na maioria delas, sem nem perceber. Isso porque parte de sua casa fica em Beebe Plain, no Estado americano do Vermont, e a outra em Stanstead, no Estado canadense do Quebec.

Uma marca colocada no chão de um dos quartos mostra, mais ou menos, onde a fronteira passa. Agora, DeMoulin está enfrentando um desafio. Ele quer vender a propriedade que herdou há 30 anos.

A corretora Rosemary Lalime disse ao canal de TV CBS que o ideal é conseguir um comprador que tenha dupla nacionalidade.

CBS
Risco no chão da casa marca onde seria a fronteira entre EUA e Canadá

"Isso deixa tudo mais difícil porque precisamos ter a certeza de que a pessoa tenha a papelada certa para comprar a casa. Já tivemos ofertas do Líbano, de Cuba e de Los Angeles. A maioria dos interessados quer reformar a propriedade", disse.

A casa tem uma porta que fica o tempo todo fechada. Por mais que a casa esteja entre dois países, a entrada principal fica nos EUA. Mas a porta dos fundos dá para o Canadá. Se alguém que não tiver a papelada certa sair por ali, corre o risco de ser preso. Isso porque agentes de fronteira passam em frente da residência o tempo todo.

DeMoulin não corre esse risco. Ele é americano e canadense e disse ter um ótimo relacionamento com os dois países. O problema é só na hora de pagar impostos já que as duas nações cobram isso dele igualmente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos