Médico é processado por bater papo no celular durante cirurgia

Do UOL, em São Paulo

  • Getty Images/iStockphoto

    imagem ilustrativa médico usando celular

    imagem ilustrativa médico usando celular

Uma nova-iorquina está processando um médico na Justiça por, supostamente, ter usado um telefone celular para conversar enquanto a operava.

Segundo o jornal "The Journal News", Mary Edwards, de 70 anos, moradora de Port Chester, ingressou com uma ação na última segunda-feira (4), na Suprema Corte do Estado de Nova York, contra o médico Eric Fishman e a empresa que ele trabalha, o Westmed Medical Group.

No processo, Edwards exige uma compensação financeira. A mulher conta que precisou passar por duas cirurgias de varizes neste ano. Em uma delas, Fishman teria pego o celular para conversar em espanhol.

O advogado de Edwards afirmou que sua cliente entrou em pânico durante a cirurgia com a atitude do médico que, depois, explicou que o bate-papo seria parte de uma prova de proeficiência no idioma.

A porta-voz do Westmed Medical Group afirmou que a empresa não quer comentar o caso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos