Topo

Condores sofrem intoxicação entre Chile e Argentina

2013-08-13T17:37:06

13/08/2013 17h37

Pelo menos 20 condores foram encontrados intoxicados - dois deles mortos - na tarde de domingo (11) nos arredores da estrada internacional que liga o Chile à Argentina, informaram as autoridades esta segunda-feira (12).

Duas raposas também foram encontradas mortas no mesmo local, informou o diretor do Zoológico Metropolitano de Santiago, Mauricio Fabry.

Os animais foram encontrados por pessoas que circulavam pela região de Planta Los Quilos, na cidade de Los Andes, 80 km a noroeste de Santigo, que alertaram a polícia de que as aves voavam a baixa altitude e aparentemente agonizantes.

"Chegaram 17 condores ontem à noite [domingo] à Clínica Veterinária de Los Andes. Outro condor chegou esta manhã e foram encontrados outros dois mortos", disse Fabry.

"Esta é uma intoxicação pela ingestão de um animal doente ou por terem comido algum organismo com elemento químico", explicou a jornalistas o diretor regional do Serviço Agrícola e Pecuarista do Chile, Pablo Vergara.

As aves estão sendo tratadas em uma clínica veterinária da cidade de Los Andes, enquanto amostras de seus dejetos são analisadas para determinar com exatidão qual foi a causa da intoxicação, disseram as autoridades. Vergara não descarta que haja outras aves infectadas.

"Estão investigando (...), mas a causa mais provável é a intoxicação da carcaça de um bovino, que muitas vezes se faz para matar raposas ou pumas", emendou Fabry.

Os condores, símbolos nacionais de Colômbia, Equador, Bolívia e Chile, chegam a ter três metros de envergadura. Eles voam a grandes altitudes pela Cordilheira dos Andes e são consideradas aves carniceiras.

Mais Meio Ambiente